quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Abaixo o turismo, fora o turista

Essa turma do "nada pode" precisa viajar um pouco para ver como se faz turismo em outras regiões do país, e mesmo no exterior. Simplesmente proibir bares na praia, em frente ao mar, e mandar demolir tudo, não tem nada a ver com desenvolvimento sustentável. Em Florianópolis tem praias onde não é possível nem tomar água ou aproveitar uma sombra. Comer alguma coisa a beira mar, então, impensável. Passarelas de madeira para evitar a areia escaldante e facilitar o acesso à praia é intolerável para os eco-insuportáveis ou os que veem ameaça ao meio ambiente em qualquer ação que possa beneficiar o turista.O lugar pode ser "luxento" ou não. O importante é não prestar bons serviços à população local e aos turistas que nos visitam e não querem só paisagem.

Nenhum comentário: