quinta-feira, 2 de maio de 2013

Secretário Dalmo, cadê nosso parque?

Aceitei a provocação contida no artigo publicado hoje no Notícias do Dia, assinado pelo jornalista Laudelino José Sardá, jurássico como eu na profissão, e volto ao assunto: cadê o nosso grande grande parque?? Aquela área toda da baía sul ainda não foi contaminada por coisas tipo passarela do samba, centro de eventos, merdódromo, rodoviária e bizarrices do gênero. Embora já existam fantasmas de algumas obras rondando o espaço está lá, a partir do túnel Antonieta de Barros. Mas parece que as autoridades do ramo não se interessam pelo assunto. Lembro de Curitiba, São Paulo, Porto Alegre, com suas áreas públicas para lazer e esporte, e morro de inveja. Ou de ódio pela incapacidade e falta de planejamento dos nossos gênios administrativos. Alô, alô, secretário Dalmo. Quem sabe o senhor, com um pouco mais de visão do que essas toupeiras que tem dominado o serviço público, consiga dar um presentão para a cidade?

Nenhum comentário: