segunda-feira, 30 de março de 2009

Futebol, samba, carnaval...e turismo


Conheci o Sabará, se não estou enganado, no final da década de 70, ainda nos tempos do estádio Adolfo Konder, mais tarde transformado no primeiro shopping de Florianópolis, ali na Bocaiúva. O tipo era um ponteirinho do Avaí, meio barro, meio tijolo, mas dava conta do recado. Depois que largou a bola virou craque de um conjunto bem entrosado de samba e pagode. Música também era minha referência da Nega Tide, de quem ouvia falar uma vez por ano, na época do Carnaval. Pois agora, nos conta o Mosquito em seu blog (de onde roubei as fotos) à prova de inseticida, Sabará e Nega Tide são gerentes da Setur, a Secretaria de Turismo de Florianópolis. É fácil entender a escolha do prefeito Dário: a simbiose do futebol, samba e carnaval é tudo que o brasileiro mais adora na vida, por tanto deve capacitar um ex-jogador e uma ex-sambista para a função. Esperto nosso alcaide, não?

Um comentário:

Otavio Di Mello disse...

De onde tirou a foto?
Da Nega Tide fui eu que tirei e estava no meu blog.