segunda-feira, 13 de outubro de 2008

O Mundial da lambança

A turma do futsal não tem muito do que se orgulhar com este Mundial com sedes no Rio e em Brasília. O nível técnico risível é retratado em jogos com escore de basquete. A Itália vai roubando a festa, primeiro com aquela derrota programada para o Paraguai visando escolher adversários a serem enfrentados por um time de “brasilianos”. Como aconteceu domingo, no jogo contra o Brasil, com direito a pancadaria e os brasileiros da Itália com a mão no peito cantando o hino “deles”. Uma farsa, uma comédia, um desperdício de tempo e de recursos que poderiam ter aplicação muito mais decente no esporte.

Nenhum comentário: